Compartilhe:
Marketing

Dia dos Pais 2020: 4 dicas para vender mais no e-commerce

Quer aproveitar uma das datas mais importantes para o comércio para aumentar o faturamento? Confira 4 super dicas para você ganhar mais com seu ecommerce!


O Dia dos Pais está entre as principais datas comemorativas para o comércio eletrônico brasileiro, ficando atrás apenas do Natal e a Black Friday.

Para você ter uma ideia da importância dessa data para a economia, só em 2019 o Dia dos Pais movimentou R$ 2,5 bilhões em vendas e a projeção é de que, mesmo com a pandemia, o número de vendas seja maior do que o de datas como Dia das Mães e dos Namorados.

De acordo com uma pesquisa da Méliuz, empresa líder em cashback no Brasil, mais da metade das pessoas que pretendem presentear (51%) devem optar por comprar roupas para os pais. A categoria Acessórios e Calçados ficou em segundo lugar (28%) nas escolhas, seguido de itens Eletrônicos e de Informática (25,1%), Perfumes e Cosméticos (22,18%) e Celulares (15,9%).

Entretanto, segundo a Serasa, nesse ano é preciso levar em consideração o atual cenário econômico, de lojas fechadas e clientes sem sair de casa. Por isso, uma excelente saída é fazer ofertas de produtos e promoções pela internet, utilizando seu próprio site, loja virtual ou as redes sociais. Qual um desses meios poderá ser determinante para você vender mais e lucrar até 9 de agosto.

Se o seu negócio ainda não está na internet, nunca é tarde para começar. Agora se você já atua no comércio eletrônico, separamos quatro dicas que podem ajudar você a vender mais no Dia dos Pais 2020. Confira!

1 – Escolha produtos com alto potencial de vendas

Segundo um estudo divulgado pelo Google, geralmente na segunda semana de julho, entre os dias 8 e 18, há um crescimento de 3% nas buscas em categorias como: eletro, móveis e smartphones.

Mais próximo da data, entre 23 e 28 de julho, cresce o interesse por itens como calçados esportivos, bolsas, relógios. Por fim, na primeira semana de agosto cresce o fluxo nas categorias de varejo, com destaque para smartphones e calçados esportivos.

2 – Prepare a loja para o aumento na demanda

Sabemos que é muito complicado prever uma alta demanda, mas é bom você estar preparado para ela. Se você já tem pelo menos um ano de estrada, confira o histórico de pedidos e vendas dos ano anterior para ter uma base.

Com essa informação em mãos, você consegue reforçar o estoque, comprando um volume maior daqueles produtos que têm a maior chance de serem procurados e vendidos. Além disso, você consegue aumentar sua equipe de apoio para dar conta dessa demanda em específico.

3 – Escolha fornecedores de qualidade

Se o cliente enfrentar algum tipo de problema com o presente comprado, toda a frustração será depositada sobre a loja, prejudicando a reputação da sua marca. Por isso, seja criterioso ao escolher seus fornecedores.

Outra coisa, venda sempre produtos de qualidade e, se possível, aqueles que possuem bom tempo de garantia. Isso passará mais credibilidade ao consumidor.

4 – Cumpra o prazo de entrega 

Em datas comemorativas, o atraso na entrega do produto jamais deve ocorrer. Por isso, monitore constantemente os pedidos, fazendo o embalo e despacho rapidamente. Caso algum imprevisto aconteça, sempre comunique o cliente sobre o ocorrido.

Quer outra dica? Ofereça algum brinde ou vantagem, como uma mensagem personalizada ou um cupom de desconto. Isso ajuda a sustentar a reputação da loja.

Esse post foi útil a você? Deixe aqui seu comentário!

Renato Fontes

Seja o primeiro a comentar
Compartilhe:

SOLICITE UMA CONSULTORIA GRATUITA

Marketing Digital para Pequenas e Médias empresas

Deixe um comentário

Assine nossa Newsletter

Receba por e-mail nossas novidades e publicações.