Compartilhe:
Marketing

Como anunciar na internet para quem não gosta de receber anúncio?

Anunciar na internet requer cuidados especiais. Confira três táticas para você não ser inconveniente e ainda conquistar clientes. Leia!


Anunciar na internet é excelente, mas tome cuidado. A grande maioria das pessoas não gosta de ser impactada com anúncios no Facebook, Instagram ou Youtube a todo momento.

Se sua empresa faz isso, está na hora de bolar uma estratégia de marketing para abordar essas pessoas sem ser inconveniente. 

Para você ter uma ideia, de acordo com um levantamento feito pela PageFair em parceria com a Adobe, 198 milhões de pessoas no mundo têm algum bloqueador do tipo de Adblock (bloqueador de publicidade) instalado no computador ou no dispositivo móvel.

Chegou a hora de você saber motivo pelo qual essas pessoas odeiam anúncios e como se adaptar à nova realidade.

Anunciar na internet exige cuidados

Em primeiro lugar, as pessoas não gostam de ser forçadas a ver algo que não seja de interesse. Além disso, há um novo padrão de compra no meio digital: as pessoas não gostam que as empresas vendam para elas. Ao invés disso, elas querem ajuda para comprar.

Não estamos dizendo que você deve deixar de anunciar na internet ou nas redes sociais, mas você precisa acompanhar essa evolução de comportamento dos consumidores. Caso contrário, seu negócio ficará para trás.

Para não correr esse risco, separamos 3 dicas para você ser criativo e se dar bem ao anunciar na internet para essa galera “anti-anúncio”. Confira!

3 dicas infalíveis para anunciar na internet

1 – Conheça seu público

Conheça com detalhes seu público-alvo. Qual é a faixa etária, gênero, nível educacional, tamanho da família, nível de renda e localização geográfica.

Se seu público-alvo for empresas, então descubra o tipo de empresa, tamanho, os cargos e funções que você pretende atingir com seu produto, receita anual, áreas geográficas, estatísticas, etc.

Mas só com uma Pesquisa de Mercado será possível obter este nível de dados demográficos. Com ela, você deve descobrir quais os hábitos de consumo dessa galera em relação ao seu produto.

Por exemplo, se você tem uma loja de moda praia, é possível descobrir que as mulheres compram, em média, 3 biquínis por ano (dois no verão e um nas férias do meio de ano). Ou seja, além da quantidade, vai descobrir a sazonalidade do seu nicho de mercado.

2 – Dê o que ele quer

Já não é de hoje que os usuários estão evitando propagandas. Além disso, estão cada vez mais criteriosos na hora de consumir produtos e serviços. Portanto é preciso utilizar boas estratégias de marketing de conteúdo para educá-lo antes de fazer uma venda.

Não anuncie o que sua empresa quer vender. Anuncie o que eles querem comprar. Levante informações sobre quais produtos da sua loja têm tido maior saída e foque na propaganda desses itens.

3 – Não seja intrusivo

Não seja intruso. Deixe o cliente livre para procurá-lo no momento que ele achar necessário. É aí que entra o Inbound Marketing, também chamado de marketing de atração ou marketing de entrada.

Se bem feita, essa estratégia não vai obrigar o cliente a interagir com sua marca. Ela se torna tão atraente que eles vão te procurar, vão querer conhecer seus produtos e serviços e, no final, fechar negócio.

Dessa forma, ao invés de desperdiçar grana em anúncios para empurrar produtos e serviços, você vai gerar valor por meio de conteúdos relevantes e focados nas necessidades do público alvo.

Nossas dicas foram importantes para você saber anunciar na internet? Temos as melhores estratégias para decolar o seu negócio. Entre em contato!

Seja o primeiro a comentar
Compartilhe:

SOLICITE UMA CONSULTORIA GRATUITA

Marketing Digital para Pequenas e Médias empresas

Deixe um comentário

Assine nossa Newsletter

Receba por e-mail nossas novidades e publicações.